27 setembro 2011

a alegria de ser entendido sem palavras é o nosso sonho *

* antónio lobo antunes

Irra que ando farta de falar e de ouvir. Deixem-me ser só ser.

Um comentário:

...velhas trapaças...